Especial “POR ONDE ANDA?” Capítulo #01: Trilöbit

Para o primeiro capítulo do Por onde anda? relembramos a vida e obra dos grandes Trilöbit, exemplar único de música extraterreste do nosso rock nacional pós-2000. O Trilöbit visitou muitos lugares de nosso Brasil, ora aterrisando com sua nave espacial ora pegando infinitas horas de busão mesmo. A princípio um quinteto, o Trilöbit chamava Trilobita e contava até mesmo com a eficiência de um theremim para fazer barulhos alienígenas.

Após um tempo, eles passaram a tocar como quarteto e depois um trio, que tinha na formação três figuras de outros mundos: Nösferatus, que tocava uma insana guitarra de duas (duas!) cordas e fazia as programações (com samples oitentistas, space rock e locuções diversas); Animau Gönzalez, um baterista inspirado no famoso Animal dos Muppets e com a mesma fome de socar as peças de seu kit; e a incrível presença do primitivo General Urkö, que inventou o jeito apebass  de se espancar um baixo, fazendo linhas regressistas de rock pesado.

Depois de passar por várias cenas e fazer shows simplesmente insanos, o Trilöbit decidiu dar um tempo. Os aliens precisavam esfriar a cabeça e decidir se continuariam com a vida que levavam como humanos numa banda de rock ou se voltariam para seus mundos.

Com todas as experimentações, pesquisas e constantes atualizações, a banda deu origem a projetos interessantes, que mantém sempre um pé na vida hi-tech e tendências mais modernas. Stereotron, Dizzaster, Mhorula e Brutal Redneck são todos derivados do embrião Trilöbit e valem a busca na Internet.

Como legado da passagem relâmpago pela Terra, eles deixaram um disco, já item de colecionador. Tutorial, o primeiro e único lançamento da banda, é exímio na arte de misturar influências e fazer o som mais louco que você poderia esperar. Até samples de Luiz Carlos Alborghetti e Silvio Santos os caras usaram!

Sobre o futuro, o mascarado Nösferatus nos contou que  “o Trilöbit está em estado de hibernação e pode acordar e destruir Tóquio a qualquer momento”, algo do qual não duvidamos em absoluto. Já o macacão General Urko dá a indireta, dizendo que “o Trilöbit não acabou. Está fazendo tour em uma galáxia próxima. Mas daqui alguns milhares de anos luz já estarão na terra abduzindo mais humanos”.

Trilobit @ Funhouse – “Procurando Nemo” from Urbanaque.com.br on Vimeo.

Be first to comment