Fluxxo Festival, a experiência que toda nova banda deveria participar

Durante 19 dias, cinco bandas percorreram o interior de São Paulo, passando por São José do Rio Preto, Sorocaba, Ribeirão Preto, São José dos Campos, Santos e São Paulo. A experiência de pegar a estrada atende pelo nome de Fluxxo, o primeiro festival itinerante que contou com a participação dos novatos Meire D´Origem, Obintrin Trio, Judas no Deserto, Sujeito Coletivo e Suco de Lúcuma.

Além dos shows, o Fluxxo também promoveu oficinas teóricas e práticas sobre temáticas que envolvem o mercado musical como: oficinas de P.A. e políticas culturais do estado, um conhecimento essencial e necessário para os entusiastas que pretendem fomentar a cena musical local.

Passada a experiência, pedimos para as bandas participantes contar um pouco como foi esta experiência e o que eles aprenderam depois deste período na estrada.

Judas no Deserto

Participar do fluxxo foi o ponta pé inicial na nossa carreira, foi a primeira vez que pudemos apresentar nosso som em diferentes lugares; a experiência de estrada e de palco que a turnê nos proporcionou foi o empurrão necessário para acreditarmos mais no nosso trabalho. Além disso, é preciso falar do encontro entre pessoas tão especiais que aconteceu graças ao festival, pessoas que levaremos pra vida.

Suco de Lúcuma

Além do enriquecimento musical, o fluxxo proporcionou uma experiência única que condensou encontros transformadores e aprendizados que trouxeram um maior entendimento do nosso alcance profissional.

Sujeito Coletivo

Nestes dias em que estivemos juntos, produção e grupos, tivemos a chance de antever uma dinâmica de estrada e turnê que, para grupos na cena independente, com todas as difículdades que vêm daí, foram e estão sendo muito frutíferas! Talvez levassemos mais tempo para conseguir ter contato com a necessidade de organização e preparação artística e musical que são necessárias para administrar apresentações em sequência ao longo de 21 dias. Tudo isto junto da dinâmica de organização de produção necessária pra tornar tudo possível, articulando 23 pessoas ao longo de várias cidades, nos permitiu observar na prática os desafios pra uma turnê.
Saimos mais experientes, mais confiantes, mais conscientes e mais estruturados pra levar nosso trabalho, nossas parcerias e fazer o nosso pique crescer! Salve!

Meire D’Origem:

O Fluxxo foi/está sendo um passo importante na minha carreira rumo ao sonho de viver da música… As experiências vividas potencializaram e fortaleceram este sonho coletivamente…A oportunidade de trocar experiências com outras bandas independente q estão na labuta em busca de fazer a coisa acontecer me fez refletir na força do amor pela arte pela cultura e foi/está sendo o combustível necessário para seguir frente…Só posso dizer gratidao ao Fluxxo, sonho q se sonha junto realiza…

Obinrin Trio

Nunca pensamos que fosse possível encontrar um projeto tão grande de aprendizado, significado e importância, principalmente num momento político como esse.

Somos da cena independente, o lugar da arte onde mais depende de pessoas somando na construção de cada passo dado.

Esse caminho, esses 20 dias de estrada, essas 6 cidades, esses parceiros incríveis e inacreditáveis abriram nossos olhos pra uma possibilidade de trabalhar de forma autônoma e consciente. Todos os cursos de proficionalização abraçaram uma parte do nosso trabalho que sempre foi muito intuitivo.
E sem contar que essa galera já virou família. As parcerias já estão acontecendo e o gás só tá aumentando!
Depois dessa circulação a gente não para! É uma força muito grande, de fazer a arte acontecer, em todos os espaços possíveis!

Co-fundador e editor do Urbanaque.com.br e Birrinhas.com

Be first to comment